Precisamos de Pais Melhores

Andreas Schleicher

Ninguém discute que um bom professor faz uma enorme diferença no sucesso acadêmico dos alunos e que é preciso selecionar, treinar e remunerar melhor estes professores. Mas um estudo recente feito com estudantes americanos e publicado pela OECD afirma que a preocupação dos pais em relação a educação dos filhos também contribui, e muito, para o desenvolvimento acadêmico das crianças.
Como eles chegaram a esta conclusão? Bom a cada 3 anos a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE,no Brazil) organiza exames como parte do programa Internacional de Avaliação de Estudantes ou PISA , como é conhecido. O fracasso dos alunos americanos frente aos estudantes de Cingapura, da Finlândia e de Shangai fez com que o alemão Andreas Schleicher, responsável pelo PISA, buscasse os fatores que estavam além da sala de aula.
A pesquisa entrevistou os pais de 5.000 alunos de 18 países membros da OECD e perguntou a eles “ Como eles criaram seus filhos” e comparou as respostas com os resultados dos exames. Há aproximadamente 2 semanas os responsáveis pelos exames de PISA publicaram as descobertas mais importantes:
Entre elas está a de que alunos cujo os pais leram frequente para eles durante o 1º ano do ensino fundamental obtiveram melhores resultados do que os alunos cujo os pais não liam com tanta frequência ou simplesmente não liam para eles. A vantagem se mantinha independente do nível socioeconômica da família e, em média, a diferença de pontuação foi de 25 pontos, o equivalente a bem mais de metade de um ano escolar. “.
De acordo com Schleicher “perguntar ao seu filho como foi o seu dia na escola e mostrar interesse genuíno no aprendizado que eles estão fazendo pode ter o mesmo impacto que horas de aulas particulares. É isso é algo que todos os pais podem fazer, não importa o seu nível educacional ou o contexto social. ”
A pesquisa ganhou força com um estudo recente feito pela National School Boards Association’s Center for Public Education, escrito pelo diretor do centro para a última edição do The American School Board Journal. Segundo ele, os pais podem demostrar interesse e envolvimento de várias formas mas apenas algumas delas tem ligação direta com a melhora do desempenho escolar. Acompanhar as tarefas de casa, garantir que os filhos frequentem as aulas,recompensar seus esforços e conquistas e conversar sobre seus planos e carreiras,são atitudes que estão diretamente ligadas a melhora da frequência escolar,melhores notas e preparo para a faculdade.
Nada substitui um bom professor. Nada é mais valioso do que uma boa aula .Mas talvez seja a hora de começarmos a parar de despejar todo o fardo em cima dos professores e começarmos a exigir pais melhores também. Afinal melhores pais com certeza farão com que os professores sejam mais eficazes !
Fonte: New York times e http://www.pisa.oecd.org/dataoecd/4/1/49012097.pdf

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: